Cuide de sua Piscina

Publicado em: 10/05/2017 Autor/fonte: Manual do usuário Sibrape Pentair

 

A agua da piscina tem quer ser filtrada diariamente independente de usar ou não. 

Voce sabia que 50% do tratamento da agua de sua piscina depende da filtragem? os outros 50% entra o uso da adição de produtos para desinfecção e correção quimica da agua.

ÁGUA IDEAL PARA SUA PISCINA
A água ideal da sua piscina deve ser limpa, balanceada e saudável.
Veja o que significa e como conseguir cada um desses itens.
Água limpa: é aquela água transparente, cristalina e de boa aparência.
Água balanceada: é aquela água que não causa irritação da pele, dos olhos e que não danifica os equipamentos.
Água saudável: é aquela água que está livre de qualquer microorganismo, livre da presença de odores e de coloração estranha.
Para cada item acima citado é necessário um tratamento específico.
É importante lembrar que uma água de qualidade deve ser limpa, balanceada e saudável. Uma água limpa e transparente pode estar contaminada com bactérias ou fungos causadores de doenças, ou uma água livre de microorganismos e saudável pode ser irritante e corrosiva.

 

Veja como conseguir a água ideal.
Como manter a água limpa
É necessário um bom dimensionamento do conjunto motobomba e filtro, em que a filtração deve ser diária no verão e toda a água deve passar pelo filtro. Normalmente o tempo de filtragem varia de seis a oito horas diárias para residências. A instalação de um timmer facilita o controle da filtragem da água.
Uma boa opção seria a colocação do skimmer para captar a sujeira que flutua na superfície da água.
O pré-filtro da motobomba e o filtro do skimmer devem ser limpos pelo menos uma vez por semana.
A piscina deve ser aspirada quantas vezes for necessário.
Deve-se usar a peneira cata-folhas para coletar a sujeira que não foi aspirada pelo skimmer.
É muito importante a limpeza das paredes e cantos da piscina com as escovas de nylon, pois é com
ela que você irá desprender partículas que estão aderidas nas paredes e cantos.
Quimicamente, a aplicação de produtos que ajudam na filtragem e clarificantes são boas alternativas.

Como manter a água balanceada
Uma água balanceada é obtida através dos controles de pH, dureza cálcica, alcalinidade total.

Controle de pH: é a forma de sabermos se a água está ácida (pH inferior a 7), se a água está neutra ( pH igual a 7 ) ou se a água está básica ( pH superior a 7). O pH da água deve sempre ser mantido na faixa de 7.2 a 7.8, que seria uma faixa considerada segura, mas o pH ideal está entre 7.4 a 7.6.
Para corrigir o pH, usamos barrilha para elevar, e redutor de pH para abaixar.


Controle de dureza cálcica: dureza cálcica é o acúmulo de sais de cálcio dissolvidos na água, que combinam com a alcalinidade quando o pH está elevado, formando assim alguns compostos que se tornam insolúveis na água, deixando certa turbidez na água e causando também incrustações calcárias em equipamentos como aquecedores. A dureza cálcica recomendada está entre 200 a 400 ppm. Para aumentar o nível de dureza cálcica, temos que usar um promotor de dureza cálcica, e para reduzir não existe um produto específico, seria necessário desprezar a água da piscina e substituir por água com baixa dureza cálcica, porém essa reposição deve ser gradativa já que nunca devemos esvaziar uma piscina de vinil.


Controle da alcalinidade total: alcalinidade total é a soma das concentrações de diversos sais alcalinos dissolvidos na água e são eles que conferem estabilidade ao pH, ou seja, uma água com baixa alcalinidade tem seu pH alterado pela água da chuva que é normalmente ácida, e água muito alcalina tem dificuldade para abaixar o pH. A alcalinidade total recomendada está entre 80 a 120 ppm e pode variar de acordo com o tipo de cloro usado pelo cliente.
Para aumentar a alcalinidade total será necessário usar um estabilizante de pH.
Para abaixar a alcalinidade total é necessário usar um acidulante.
 

Como manter a água saudável

Toda piscina, mesmo sem uso, cria condições de contaminação e proliferação de microorganismos, que são trazidos pelo vento, poeira, folhas, insetos etc.
Quando em uso, a água pode se contaminar pelos banhistas, que deixam na água fios de cabelo, pêlos, óleos do corpo, e banhistas descuidados, como crianças, podem deixar urina, suor, secreções etc.
Esses microorganismos vivos devem ser desinfectados pelo cloro, que é o mais usado, porém existem outros meios de desinfecção, tais como oxônio, peróxido de hidrogênio, ionização e desinfecção por UVC.
Para que a água da piscina seja considerada sanitariamente saudável e segura o tempo todo, é necessário se manter um residual de cloro entre 1.0 a 3.0 ppm, pois a água estando nesse nível pode assegurar a destruição contínua de microorganismos, ou um residual de 0,5 a 0,8 quando a
piscina utiliza sistema de descontaminação UVC.

 

Mantenha a área em volta da piscina sempre limpa

É muito importante manter limpa toda a área que circunda a piscina.
O jardim deve ser bem planejado. Plantas que soltam muitas folhas não são as mais adequadas, pois as folhas secas podem alterar o pH da água. É ideal que a piscina tenha um lava-pés ou uma ducha para serem usadas pelo banhista antes de entrar na piscina.
Tenha uma área reservada para armazenar produtos químicos
É muito importante que você reserve um local para armazenar os produtos químicos que são utilizados para a limpeza da piscina e para o tratamento da água. O ideal é que essa área seja limpa e arejada, pois gases provenientes desses produtos, principalmente do cloro, são tóxicos e não devem ser aspirados.
A área deve permanecer trancada para evitar que crianças e animais domésticos tenham contato com os produtos químicos. Mantenha o local organizado. Tudo bem guardado num só local vai facilitar o trabalho do piscineiro.

Fonte : MANUAL DO USARIO REVESTIMENTO VINILICO PARA PISCINAS SIBRAPE PENTAIR

Av. Adherbal da Costa Moreira, 999 - Jardim Marsola
Campo Limpo Paulista - SP
Tel.:   (11) 93920-1158

WhatsApp: (11) 93920-1158